9 de dez de 2014

IPVA 2015 - Tudo que você precisa saber!

IPVA 2015 - Tudo que você precisa saber!

O ano termina e várias contas começam a chegar para os próximos doze meses. De maneira rotativa, cada mensalidade tem a sua função e deve ser levada em conta pelos integrantes da família. Mas, com certeza, em residências que possuem um ou mais carros, o IPVA é a cobrança que mais tira o sono dos brasileiros. Dependendo da marca e do modelo do veículo, os gastos podem ser altos e certamente comprometem o rendimento financeiro da casa. Para que você não se perca no próximo pagamento do imposto sobre automóveis, aí vem a dica!

O que é o IPVA



Muitas pessoas compram um carro, mas poucas sabem que necessitam anualmente desembolsar um valor que será destinado ao governo. O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores, o IPVA, é um imposto de origem estadual, cobrado anualmente (sempre no início do ano), em que a alíquota varia para cada unidade federal, podendo chegar entre 1 e 6% sobre o valor venal do carro. O valor é cobrado tanto de donos de carros como de motos. O recolhimento do IPVA tem 50% do valor arrecadado, sendo destinado ao município onde o veículo foi licenciado.  Com o recebimento do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo, em que tal documento consta o número do Renavam, o motorista deverá dirigir-se às agências bancárias que possuem autorização pra pagamento da taxa. Além do pagamento eletrônico, em alguns estados é aceito o pagamento através de lotéricas. Em determinados locais, o IPVA 2015 terá redução em seus valores. Em São Paulo, em média, o IPVA terá redução de 4,6%. Os valores do IPVA são baseados na tabela FIPE, que é um órgão oficial de valores de mercado de automotivos, sendo motos ou carros. 

Pagamento do IPVA



O pagamento do IPVA pode ser parcelado em até três vezes dentro do exercício, ou seja, no ano vigente. Caso aconteça de o proprietário não conseguir quitar a parcela inicial em tempo, não poderá pedir as duas vias, sendo assim, terá de pagar à vista. Caso a data de pagamento venha a cair em um sábado ou domingo, o contribuinte poderá quitar o boleto no primeiro dia útil subsequente.  Vale lembrar que o IPVA é um documento de suma importância, e sua quitação fará com que o proprietário goze de todos os benefícios da lei. O atraso ou débito do documento, poderá acarretar em apreensão do veículo, além de posterior ida para o pátio do Detran e mais valores a serem pagos para o governo. 
O IPVA 2015 está chegando! É muito importante que você se prepare desde já, para pagar corretamente e andar dentro da lei.

Fonte: Salão do Carro
Categoria: Dicas
Publicado em: 04 Dec 2014 13:23:00

Nenhum comentário:

Postar um comentário