21 de out de 2014

GM faz recall do Chevrolet Trailblazer

GM faz recall do Chevrolet Trailblazer

O ano de 2014 deverá ser considerado um dos mais difíceis para a Chevrolet nos últimos tempos, já que a marca passou por uma série de problemas e teve que convocar um número recorde de recalls ao redor do mundo, com danos irreversíveis à sua imagem. Pois para reforçar ainda mais a noção de que 2014 de fato não tem sido um ano muito bom para a montadora, a GM acaba de anunciar mais um recall para algum de seus modelos, sendo que a convocação foi direcionada aos proprietários do SUV Trailblazer.

O problema



Segundo o comunicado oficial que foi feito pela GM no último dia 14 de outubro, o processo de recall é necessário para corrigir um problema relacionado aos cintos de segurança do Trailblazer. Ao todo, serão afetadas 5.777 unidades do modelo, que deverão ter os cintos de segurança da terceira fileira de bancos trocados, para evitar problemas que podem até mesmo causar acidentes graves. A GM informou que o Chevrolet Trailblazer apresenta uma falha no posicionamento do sensor mecânico que pode levar ao travamento indevido do equipamento, o que irá impedir que o cinto possa ser afivelado em situações em que o modelo esteja inclinado, por exemplo.

As medidas

Os veículos afetados, ainda segundo a GM, foram fabricados a partir de abril de 2012, e possuem numeração entre DC400034 e FC404524, e deverão comparecer na rede autorizada para efetuar os procedimentos de modo gratuito. A duração do procedimento de troca dos cintos de segurança defeituosos deverá durar no máximo 1 hora e meia, sendo que este procedimento deverá ser agendado de modo prévio diretamente no site oficial da Chevrolet.

Outra forma de fazer este agendamento é por meio do telefone que foi disponibilizado pela montadora para o procedimento de recall, que é o seguinte: 0800 702 4200, sendo que a ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer lugar do Brasil. A GM informou que ainda não teve qualquer informe que indique algum tipo de acidente ocasionado pela falha ou em virtude dela, e atesta que a medida de convocação de recall é meramente preventiva, para impedir que acidentes possam ocorrer. Com este recall, a GM caminha para ter sua imagem ainda mais arranhada junto aos seus consumidores, que já estão diminuindo em número ao redor do mundo, especialmente no Brasil, onde as vendas dos veículos da marca caíram consideravelmente. 
Segundo o comunicado que foi feito pela GM no último dia 14 de outubro, o recall é necessário para corrigir um problema nos cintos de segurança.

Fonte: Salão do Carro
Categoria: Recalls
Publicado em: 20 Oct 2014 22:39:00
Ler mais aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário