28 de jan de 2015

Consórcio de carros cresce 8,5% em 2014 e evita queda das vendas

Consórcio de carros cresce 8,5% em 2014 e evita queda das vendas

O sistema de consórcio de carros é uma das modalidades mais acessíveis dentro do mercado de vendas automobilísticas, sendo um dos mais efetivos contribuintes no aumento da demanda pelo cenário brasileiro. Baseando-se na união de pessoas físicas ou jurídicas em grupos fechados, os consórcios automotivos têm como principal objetivo formar poupanças comuns destinadas à compra de bens móveis, por meio de autofinanciamento assegurado aos integrantes do consórcio. Com a entrega de 1,27 milhão de veículos em categorias leves, pesados e duas rodas, um crescimento de 8,5% foi levantado em relação ao ano de 2013, trazendo uma parcela de confiança aos investidores envolvidos no setor de veículos.

Aumento das vendas por consórcio em 2014



O anuncio sobre a alta estatística do volume total de veículos entregues em 2014 através de consórcio foi feito pela ABAC, a Associação Brasileira das Administradoras de Consórcio, responsável pela análise de quaisquer fatores relacionados ao desenvolvimento do setor de veículos. Segundo o levantamento feito, o segmento fechou o ano passado com 91% de participação no mercado de cotas de consórcio, incluindo também diversos setores gerais como imóveis, eletroeletrônicos e serviços. No total dos participantes ativos de vendas de cotas em consórcio, foram 6,54 milhões adquiridos ao final do ano, valor que representa 8,3% a mais do que o valor realizado ao fim de 2013.

Venda nos consórcios por segmento



No setor de veículos leves, houve a menor queda na venda de cotas. Com alta de 18%, o número de contemplados chegou até 468,5 mil, anotando como valor médio da cota em Dezembro de 2014 um valor 1,2% abaixo do registrado ao mesmo mês há um ano atrás, que foi para R$ 41,9 mil. No total, o volume de créditos acumulados para o segmento somou um valor de R$ 37,6 bilhões, sendo 3,6% menor do que em 2013. Ao setor de comerciais pesados, que traz caminhões, ônibus, tratores, entre outros, as vendas de cotas retraíram 8,7% contra os valores de 2013, partindo para 49,3 mil unidades. O volume de crédito utilizado para o setor caiu 5%, para o valor de R$ 7,7 bilhões, enquanto o total de participantes aumentou 10%, para 305 mil. No segmento de motocicletas, foi registrada a queda de 7,7% na venda de cotas em 2014, para 1,2 milhão de unidades. Com valor médio estável no ano passado, o volume de crédito retraiu 7,1% até R$ 13,1 bilhões. A estabilidade no consórcio, enfim, favorece as vendas.
Com a entrega de 1,27 milhão de veículos em categorias leves, pesados e duas rodas, um crescimento de 8,5% foi levantado em relação ao ano de 2013.

Fonte: Salão do Carro
Categoria: Curiosidades
Publicado em: 27 Jan 2015 18:56:00

Nenhum comentário:

Postar um comentário