8 de set de 2015

O duro é começar

O duro é começar

Por Péricles Malheiros 13.260 km Um teste específico de calibragem de pneus (edição de julho de 2015) e uma falha no sistema de alarme (agosto de 2015) nos levaram a adiar a apresentação dos resultados do primeiro teste do Renegade na pista. Mas chegou a hora. Os números extraídos com etanol em nosso campo de provas evidenciam a inferioridade técnica do Jeep diante do nosso Honda HR-V, o outro SUV compacto da frota de Longa Duração (veja quadro abaixo). Só na prova de ruído interno há algum equilíbrio, mas o Renegade perde feio em aceleração, retomadas, frenagem e consumo de combustível. E olha que a receita mecânica de ambos é basicamente a mesma: motor quatrocilindros 1.8 atrelado a um câmbio automático. Mas o fato é que os quilômetros passaram rapidamente, e lá se foi o Renegade para sua estreia na rede autorizada. Para executar a primeira revisão, elegemos uma velha conhecida do Longa Duração: a paulistana Europamotors, que já atendeu veteranos da frota, como o Smart ForTwo e o Mercedes-Benz A 200. O histórico com a autorizada não é dos melhores: entre outros problemas, levaram uma multa por dirigir falando ao celular e substituíram peças desnecessariamente. Os incômodos persistem. Dessa vez, a Europamotors tentou cobrar mais que o dobro do preço sugerido pela Jeep. Inicialmente, informaram que a manutenção custaria R$ 794. Questionado sobre o motivo da diferença em relação ao preço indicado no site (R$ 327), o consultor disse: “Tudo bem, posso cobrar o valor sugerido”. Uma atualização do módulo eletrônico encerrou os disparos involuntários do alarme. Revisado, o Renegade partiu para uma merecida (e tranquila) viagem de descanso até Ubatuba, no litoral de São Paulo. Consumo No mês: 7,2 km/l com 31,8% de rodagem na cidade
Desde jun/15: 7 km/l com 28,2% de rodagem na cidade
Combustível: etanol Gastos no mês Combustível: R$ 1 031
Revisão: R$ 327
Alinhamento: R$ 250


Por Péricles Malheiros 13.260 km Um teste específico de calibragem de pneus (edição de julho de 2015) e uma falha no sistema de alarme (agosto de 2015) nos levaram a adiar a apresentação dos resultados do primeiro teste do Renegade na pista. Mas chegou a hora. Os números extraídos com etanol em nosso campo de […]

Fonte: 4 Rodas Longaduração
Categoria: Jeep Renegade
Autor: Redação
Publicado em: 08 Sep 2015 13:00:32

Nenhum comentário:

Postar um comentário