28 de jul de 2015

Yamaha MT-07 XSR 700 encanta com visual retrô

Yamaha MT-07 XSR 700 encanta com visual retrô

Os apaixonados por motos já podem admirar a nova criação da Yamaha. A empresa divulgou na última quarta-feira (22), o visual do modelo XSR 700. Com toques retrô, a moto tem como base a MT-7. Sua venda acontecerá apenas na Europa, a partir de novembro. Veja também:
  • Yamaha Lander 250 traz motor flex por R$ 14.150
Com motor de 2 cilindros e 74,8 cv, a moto traz algumas diferenças em relação ao modelo antecessor. A principal delas está no visual. O farol ganhou contornos arredondados. O assento e tanque também estão diferentes. O motivo? Tudo para dar um toque clássico.

Conceito do MT-07 e homenagem a clássicos

A versão retrô da XSR700 é uma “experiência” para quem imagina a MT-07 no estilo vintage. O conceito utilizado pelos japoneses homenageia a herança das motos clássicas da Yamaha. Isso começa nas modificações estéticas.

O visual foi adaptado para parecer clássico. Essa tem sido uma tendência da Yamaha nos últimos anos. O tom da XSR 700 remete aos anos 1970, com o XS 650.

Europeus aprovam tom retrô da Yamaha

Apesar de prezar pelo toque clássico na XSR700, a empresa não se esquece do moderno.  Esse equilíbrio tem agradado o público europeu. A imprensa especializada no setor tem sido unânime e não faltam elogios a nova moto da Yamaha. Os europeus serão os primeiros a poder adquirir a moto. A comercialização por lá deve começar em novembro. Em relação ao mercado asiático e americano, a Yamaha não comentou sobre quando a XSR700 será vendida.

Semelhanças com modelo antecessor

A XSR700 tem o mesmo motor e refrigeração líquida do MT07. O tanque é de alumínio, mas com toques retrô. A mesma lógica é utilizada no assento de couro e lanternas. A moto ganhou ainda um novo contador e possui freio ABS, motor de 689 cc e pesa 186 kg.

Segmento da sport heritage

Conforme já foi dito, a Yamaha tem a tradição de homenagear as lendárias motos fabricadas por ela. A XSR700 é a primeira dessa nova linha. Conhecida como “sport heritage”, o modelo foi desenvolvido pelo construtor Shinya Kimura. Construtor lendário da companhia, Kimura foi o responsável por criar a identidade da XSR700. O cuidado desse ícone reflete também na preocupação da Yamaha em disponibilizar acessórios para os fãs equiparem a moto do jeito que desejarem.

Sem previsão de chegada ao Brasil

Enquanto os europeus têm a sorte de terem sido escolhidos o primeiro público para o XSR700, o mesmo não pode ser dito dos brasileiros. A Yamaha não deu previsão de quando e se a moto será comercializada no país. Uma notícia ruim para os colecionadores e amantes de motos no Brasil. Até porque reviver um clássico é uma oportunidade rara no mercado. Mas se depender da Yamaha essa tendência ficará por um bom tempo. A nós resta apenas poder desfrutar da MT-07 (comercializada na faixa de R$ 28 mil) e imaginá-la retrô. Somente assim os motoqueiros poderão estar mais perto da XSR700. Uma pena para quem realmente admira as motos clássicas. 
A empresa divulgou na última quarta-feira (22), o visual do modelo XSR 700. Com toques retrô, a moto tem como base a MT-7.

Fonte: Salão do Carro
Categoria: Motos
Publicado em: 27 Jul 2015 15:39:00

Nenhum comentário:

Postar um comentário