20 de ago de 2014

Ford convoca recall para 160 mil carros nos EUA

Ford convoca recall para 160 mil carros nos EUA

Os processos de recall estão cada vez mais comuns e frequentes, o que já levanta questões em alguns países, especialmente nos Estados Unidos, onde eles têm sido mais frequentes ainda, sobre a qualidade dos procedimentos de produção empregados pelas montadoras. Pois o mais recente caso agora envolve veículos da Ford, que anunciou um grande recall para nada menos do que 160 mil carros dentro do mercado dos Estados Unidos, o que deverá ser mais um duro golpe na imagem da indústria automobilística por lá, que já não é das melhores.

Segundo comunicado oficial da Ford, os dois modelos envolvidos neste grande processo de recall são o Escape e o Focus ST fabricados no ano de 2013, sendo que os 160 mil veículos que serão convocados são destes dois modelos. O problema, segundo este comunicado seria uma falha no sistema de fiação dos veículos, que poderia ocasionar, entre outras coisas, até mesmo um incêndio nos modelos. Portanto, como normalmente ocorre neste tipo de situação, a atitude da Ford de convocar este grande recall é meramente preventiva, já que não houve casos de acidentes registrados que tenham como causa esta falha de fabricação detectada. A falha de fiação está presente nos motores EcoBoost 2.0 que equipam o Focus ST e que se apresentam como opcionais para o Escape, e como já dito anteriormente, há risco de incêndio e há também perda de potência e prejuízo no desempenho dos veículos.

Apesar de este recall ser apenas mais um processo que tem virado quase que uma rotina no mercado dos Estados Unidos e do mundo, o fato é que este tipo de situação acaba por trazer grande prejuízo à imagem das montadoras envolvidas neste tipo de processo. E com isso, a indústria automobilística dos Estados Unidos, que já não vive tempos áureos faz alguns anos, acaba por se deparar com um problema maior do que o recall em si, mas o problema é a perda de credibilidade por parte dos consumidores, que acabam por preferir veículos de montadoras estrangeiras, especialmente de montadoras asiáticas. E este tem se tornado um grande problema para quem deseja recuperar o fôlego perdido há tempos e que parece que está começando a voltar, mas com processos de recall constantes, isto fica cada vez mais difícil. Não que processos de recall não ocorram com as montadoras asiáticas, mas o fato é que para as montadoras estadunidenses, eles têm sido cada vez mais constantes. 
Segundo comunicado oficial da Ford, os dois modelos envolvidos neste grande processo de recall são o Escape e o Focus ST fabricados no ano de 2013.

Fonte: Salão do Carro
Categoria: Recalls
Publicado em: 19 Aug 2014 21:59:00
Ler mais aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário