4 de set de 2014

Relação entre etanol e gasolina cai a 65,37% em SP

Relação entre etanol e gasolina cai a 65,37% em SP



Para o consumidor paulistano é vantagem usar o derivado da cana Getty Images Levantamento encaminhado, nesta terça-feira (19), pela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) ao Broadcast, serviço de informações em tempo real da Agência Estado mostrou que a relação entre o preço médio do etanol e o valor médio da gasolina alcançou o nível de 65,37% na segunda semana de agosto, na capital paulista. O número apurado representou recuo ante o verificado na primeira semana do mês, quando a relação havia sido de 66,14%. Foi menor também do que a marca de 66,55% da primeira semana de julho e superior ao nível de 64,20% da segunda semana de agosto do ano passado. Leia mais sobre Economia e ajuste suas contas Quer fazer compras online? Use o R7 Ofertas Conforme especialistas, o uso do etanol deixa de ser vantajoso em relação à gasolina quando o preço do derivado da cana-de-açúcar representa mais de 70% do valor da gasolina. A vantagem é calculada considerando que o poder calorífico do etanol é de 70% do poder da gasolina. O atual nível, portanto, significa que o consumidor paulistano continua tendo vantagem em optar pelo combustível derivado da cana. Em outro tipo de levantamento da Fipe, que leva em conta a metodologia do Índice de Preços ao Consumidor (IPC), o valor médio do etanol apresentou variação negativa de 0,72% na segunda quadrissemana do mês (últimos 30 dias encerrados em 15 de agosto) ante baixa de 0,30% na primeira quadrissemana (últimos 30 dias encerrados em 7 de agosto). Quanto à gasolina, o combustível saiu de uma queda de 0,33% na leitura inicial de agosto para um declínio de 0,34%, na segunda quadrissemana do mesmo mês. Seja bombardead@ de boas notícias. R7 Torpedos Moda, esportes, política, TV: as notícias mais quentes do dia

Fonte: R7
Publicado em: 2014-08-19T15:42:39-03:00
Ler mais aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário