6 de nov de 2015

Reestilização do Citroën Aircross ganha teaser

Reestilização do Citroën Aircross ganha teaser



A Citroën divulgou nesta segunda-feira, 3 de novembro, o teaser da primeira reestilização do Aircross, o modelo da linha 2016 que deverá chegar às concessionárias até o final do ano. A imagem divulgada pela fabricante francesa revela apenas um detalhe da dianteira da minivan aventureira, onde se nota suas modificações referentes ao modelo de 2010. As mudanças visam a atualização do modelo para o mercado, antecipando tendências e se aproximando mais de um SUV, como anunciado "uma personalidade forte, protetora, baseada nos códigos do universo SUV". O modelo original foi lançado em setembro de 2010 pela Citroën do Brasil, produzido exclusivamente para o mercado sul-americano. O Citroën Aircross foi originalmente baseado no C3 Picasso, apesar de ter sido lançado antes deste no mercado nacional, se diferenciando do modelo em que se baseia por equipamentos exclusivos como  molduras plásticas, rack no teto e parachoques com desenhos diferenciados. O Aircross tem apenas a opção de motor 1.6.

Detalhes da reestilização do Citröen Aircross

Na imagem de divulgação, seu conjunto óptico aparece redesenhado, com mudanças na grade dianteira, novo parachoque, luzes  diurnas de LED e novos faróis de neblina, como no C3 hatch. As novas mudanças seguem a linha das aplicadas ao visual do C4 Picasso, se assemelhando também ao C4 Cactus, pela grade frontal retangular bem demarcada. Destaca-se também a suavização da parte inferior com nova entrada de ar. A fabricante pretende com o facelift do modelo, transmitir a nova linguagem visual da marca. Com aparência mais tecnológica, o novo Aircross foi descrito como "mais ousado, orgânico e puro, fruto da nova imagem de marca Citroën". A traseira também deve passar por leves alterações, e o estepe pendurado no porta-malas deverá aparecer apenas nas versões mais caras da novo modelo, contando com uma versão com pneus de asfalto convencionais. Se isto se confirmar, o C3 Picasso saíra de linha em sua configuração urbana, devido à baixa demanda. As proporções de minivan serão mantidas, por se tratar apenas de um facelift (no contexto automotivo, modificações de estilo dentro do ciclo de produção de um modelo de carro) e não de uma nova geração. Detalhes sobre mudanças no seu conjunto mecânico ainda não forma divulgados, mas se espera que ocorram mudanças no motor 1.6 flex de 122 cv, visando melhor desempenho em seu consumo de combustível e  mais potência. Espera-se também que o câmbio automático de quatro marchas seja trocado por uma transmissão automática de seis marchas, como no C4 Lounge, mantendo o câmbio manual com cinco marchas. No interior são esperadas mudanças no console central. O modelo Aircross é vendido atualmente em dois modelos (Aircross e Aircross Salomon) e em quatro versões de acabamento (Manual Tendance, Auto Tendance, Manual Exclusive e Auto Exclusive), seu preço está entre  R$ 58.900 a R$ 62.290. Ainda não há data oficial para a apresentação do novo modelo reestilizado, mas se espera que a montadora apresente até o final de novembro e que chegue às concessionárias até o final de dezembro deste ano. 
Com aparência mais tecnológica, o novo Aircross foi descrito como "mais ousado, orgânico e puro, fruto da nova imagem de marca Citroën".

Fonte: Salão do Carro
Categoria: Prévias
Publicado em: 06 Nov 2015 10:07:00

Nenhum comentário:

Postar um comentário