4 de nov de 2015

Salão de Tóquio revela dois conceitos de vans compactas

Salão de Tóquio revela dois conceitos de vans compactas

O Salão de Tóquio revelou diversos conceitos que poderão influenciar os lançamentos futuros das fabricantes. E, curiosamente, duas delas desviaram as atenções para o segmento dos comerciais leves, mais especificamente para as vans de passageiros. A Mercedes exibiu um modelo de luxo futurista batizado de Vision Tokyo e, segundo a fabricante, trata-se de um projeto direcionado à Geração Z, ou seja, de olho nas pessoas que nasceram de 1995 para cá. Já a Suzuki, que desde 1961 produz a van compacta Carry, aposta na ideia de uma cabine altamente configurável com sua Air Triser.

A marca alemã foi atrás de um habitáculo que aliasse praticidade e diversão para seu modelo, que é híbrido e autônomo. O design chama atenção em todos os ângulos. No perfil, se destacam as avantajadas rodas de 26 polegadas iluminadas. Luzes também aparecem na carroceria, na lateral, e na grade frontal, além da janela e do pára-choque traseiros. No teto, uma câmara com visão de 360º denuncia a presença do sistema de direção autônoma.

No interior, o clima de sala de estar é garantido pelo grande sofá em forma de “U”. Por conta dele, a van de 4,80 metros de comprimento, 2,10 m de largura e 1,60 m de altura tem uma grande porta que se abre para cima, na lateral esquerda. Por fora, a impressão que se tem é de que não há vidros nas laterais, já que a área é coberta por uma tela na cor do modelo. Os ocupantes desfrutam de vários comandos acionados por voz, como do sistema de entretenimento em 3D. Detalhes sobre a motorização – que é híbrida – não foram revelados, mas sabe-se que as baterias podem ser carregadas com tecnologia sem fio e entregar uma autonomia de cerca de mil quilômetros.



Já a Air Triser não chega a ser tão futurista, mas esbanja charme com suas três fileiras de bancos escamoteáveis. São possíveis diversas opções de arranjos, desde o de um veículo com seis poltronas até um ambiente descontraído, também com um sofá em forma de “U”. Mas, enquanto o conceito da Mercedes-Benz é totalmente direcionado para o futuro, a Suzuki parece ter “bebido” em fontes do passado. O clima retrô impera em seu visual e, em alguns aspectos, há semelhanças com a “finada” Volkswagen Kombi. Caso da pintura em duas cores, por exemplo.


A Suzuki Air Triser Concept tem 4,20 m de comprimento, 1,95 m de largura e 1,85 m de altura. A motorização usa um sistema híbrido composto por um motor a combustão 1.4 litro de quatro cilindros de 1.372 cm³ que trabalha em conjunto com um propulsor elétrico. A transmissão é automática de cinco velocidades e a tração é direcionada para as quatro rodas.


Autor: Márcio Maio (Auto Press)
Fotos: Divulgação

Salas de estar itinerantes - Mercedes-Benz e Suzuki mostram conceitos divertidos de vans no Salão de Tóquio

Fonte: Salão do Carro
Categoria: Prévias
Publicado em: 04 Nov 2015 08:50:00

Nenhum comentário:

Postar um comentário