14 de set de 2014

Ford começa a produzir os novos Ka e Ka+ na Bahia

Ford começa a produzir os novos Ka e Ka+ na Bahia



Novo Ka já é produzido na fábrica baiana de Camaçari Divulgação Hatch terá controles de estabilidade e tração na versão 1.0 flex Divulgação A Ford começou a produzir dos novos Ka e Ka+ na fábrica de Camaçari, na Bahia. A dupla chega às lojas em setembro para causar uma revolução no segmento de compactos, com preços iniciais de R$ 35.390 (hatch) e R$ 37.890 (sedã), e dois motores modernos — o 1.0 (três cilindros, 85 cv) e o 1.5 (quatro cilindros, 110 cv), ambos dotados de sistema de partida a frio que dispensa o tanquinho auxiliar de gasolina. Desenvolvido pela filial brasileira da Ford sobre a plataforma global do New Fiesta, o novo Ka tem como vedetes os controles eletrônicos de estabilidade e de tração. Apesar de virem instalados de série somente na versão topo de linha SEL (R$ 39.990), é a primeira vez que um modelo que custa menos de R$ 40 mil traz os recursos de segurança capazes de evitar capotamentos e minizar colisões. Adeus, Rocam Com o início da produção dos novos Ka e Ka+, sai de linha o velho Fiesta Rocam, vendido também nas carrocerias hatch e sedã e produzido em Camaçari há onze anos — desde 2003. Além do compacto, o motor Zetec Rocam cede lugar ao moderno 1.0 de três cilindros com duplo comando variável de válvulas e até 85 cv e 10,8 kgfm de torque (com etanol). Este estreia como o motor "mil" mais potente do País, e como o mais econômico segundo o Inmetro. Os compactos de entrada da Ford também usarão o 1.5 flex de quatro cilindros disponível no New Fiesta. Este gera 110 cv e 14,9 kgfm de torque com etanol e deixa a direção mais "apimentada". Ambos são gerenciados por um câmbio manual de cinco marchas — que, por enquanto, será a única opção na dupla. Outro atributo do novo Ka é a direção com assistência elétrica de série em todas as versões, assim como o ar-condicionado. Saiba tudo sobre carros! Acesse www.r7.com/carros

Fonte: R7
Publicado em: 2014-08-26T13:22:00-03:00
Ler mais aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário