11 de fev de 2016

Novo picape Fiat Toro 2016

Novo picape Fiat Toro 2016



Menor que a Chevrolet S10 e maior que a Strada, picape utilitária esportiva, que terá como principal rival a recém-lançada no mercado nacional o Renault Duster Oroch, chamados de Sport UtilityPicape (SUP). A nova picape Toro ainda não chegou às concessionárias da Fiat, mas a marca já adiantou algumas informações como o tamanho e a capacidade de carga do modelo, além de recentemente divulgar uma única foto da Toro.Características incluem lâmpadas piloto elegantes que são separadas das principais faróis que correm para o cromo grade dual-ripas. Os faróis de neblina têm caixas de cromo-aparada, enquanto o pára-choque inferior tem uma placa de prata skid. Ele monta em rodas de liga leve de 18 polegadas, e possui revestimento preto corpo de plástico em torno dos arcos das rodas e saias laterais. Também estão visto um par de grandes barras de tejadilho e ORVMs com indicadores de volta.


No interior, o top-spec Fiat Toro será equipado com teto solar opcional elétrico, tapeçaria de couro parcial, controle de clima automático, sistema de áudio com subwoofer, sensores de farol e chuva auto-, e um sistema de touchscreen UConnect 5 polegadas que vem integrado com navegação GPS , câmera de visão traseira e conectividade Bluetooth.


A nova picape da Fiat será produzida no Brasil, portanto nacional fabricada na unidade da Jeep na cidade de Goiana (PE), a mesma que produz o Jeep Rengade, modelo, que vai emprestar a plataforma para a novidade. A Fiat Toro terá três conjuntos mecânicos possíveis – 1.8 flex, sempre com câmbio manual de seis marchas e, o 2.0 a diesel, podendo sair de fábrica com o manual de seis marchas ou tendo como opção o câmbio automáticode seis velocidades. Já a tração 4×4 do Renegade ainda não foi confirmada para a picape Toro.


A versão de entrada será equipada com motor 1.8 E.torQ EVO (132cv com etanol), câmbio manual e tração 4x2, com preço a partir de R$ 70.000,00. A topo de linha terá motor 2.0 turbodiesel (170cv), câmbio automático de nove marchas e tração 4x4, com preço estimado de R$ 125.000,00. A capacidade de carga é de uma tonelada e a suspensão traseira é independente.

As versões com motor bicombustível serão equipadas com automático de seis marchas; as configurações turbodiesel, com a caixa de nove marchas da empresa alemã ZF ou com opção manual, de seis. Haverá sistema de tração integral nas versões de topo, mas nas de entrada ela será dianteira . Isso se deve ao fato de a picape ter estrutura monobloco e não ter sua carroceria montada sobre um chassi.



Há ainda informações sobre o mecanismo diferente para a abertura da tampa do porta-malas, que será dividida em duas partes com deslocamento lateral (como as portas de um armário), não no padrão convencional de picapes (abertura para baixo, basculante).

O painel da picape terá linhas que lembram as do Renegade, mas, os  materiais de acabamento não serão os mesmos. Diferentemente do Jeep Renegade o painel da Toro não será revestido com materiais sensíveis ao toque. O conjunto será construído com plástico regido texturado. Em comum o Renegade a Toro terá os comandos do ar-condicionado, volante multifuncional, rádio e alavanca de câmbio. Já as saídas de ar centrais da picape estão instaladas ao lado do rádio e lembram muito as do Novo Uno. Já as saídas de ar laterais não são tão grandes como as do SUV.
A picape compartilha somente a parte da frente da plataforma com o Jeep Renegade e do banco dianteiro para trás ela conta com uma nova plataforma que será compartilhada futuramente com o SUV 551 da Jeep. A suspensão dianteira será do tipo MacPherson e dual-link na traseira. Os freiosserão a disco nas quatro rodas e o sistema de direção será eletro-hidráulico. Em números aproximados, a distância do entre-eixos será de 2,80m, a largura de 1,94m, altura de 1,6m e comprimento na casa dos 5m. A capacidade de carga da versão flex será 700kg e chega a 1 tonelada na opção diesel.

Fonte: Carros Novos
Publicado em: 2016-02-09T21:32:00.004-02:00

Nenhum comentário:

Postar um comentário