20 de mai de 2015

Jornalista bate Camaro 2016 e é expulso de evento

Jornalista bate Camaro 2016 e é expulso de evento

Já conhece um motorista ruim? E azarado? Pois é, o jornalista Patrick George, do site especializado em automóveis Jalopnik, deve fazer parte do grupo seleto de motoristas azarados. Pois além de ser o primeiro a bater publicamente um modelo novinho do Camaro, ele ainda foi praticamente expulso do evento. Patrick foi um dos jornalistas convidados pela General Motors (GM) para testar o mais recente lançamento da concessionária, a sexta geração do esportivo, Chevrolet Camaro. O evento foi realizado em Detroit, nos Estados Unidos, em um circuito de rua.

O que houve?



O que a GM não sabia era que um dos jornalistas acabaria batendo o modelo em uma das unidades de teste, pois este tipo de test-drive em grupo é bastante comum. A proeza foi de Patrick, que bateu em um muro de pneus. Ele era o segundo carro de uma fila de Camaro, que seguia um piloto a bordo de um Z/28. O jornalista cometeu um erro e acabou desviando do traçado original freando muito mais tarde do que realmente deveria, ocasionando assim, a batida que quase o jogou de volta para a pista por conta do impacto. A batida foi tão forte que danificou a porta do motorista, retrovisor, roda e para-lama esquerda, a ponto de Patrick quase não conseguir sair pelo lado do condutor.   Logo após a batida, a equipe médica entrou no campo de teste para atendê-lo. O jornalista que não sofreu lesões foi convidado por um representante da GM para se retirar do evento.  Apesar de Patrick achar que o incidente foi um pretexto que a GM esperava para expulsá-lo do evento, ele admitiu a culpa alegando distração na direção enquanto gravava suas impressões sobre o veículo com sua GoPro.  

De acordo com um representante da Jalopnik, a montadora não queria convidar Patrick para o evento, porque o site publicou um memorando interno com as especificações do Chevrolet Camaro 2016, um dia antes do lançamento oficial da GM. De acordo com o jornalista, ele se sentiu intimidado devido ao clima hostil por parte dos executivos da Chevrolet, logo após ter chegado ao hotel em que ficaria hospedado até o dia do test-drive. Seja qual foi o motivo de fato da sua saída do evento, o jornalista Patrick George vai pensar duas vezes antes de dirigir um Camaro ou em aceitar um convite para o test-drive. 
Patrick foi um dos jornalistas convidados pela General Motors (GM) para testar o novo Camaro. Mal sabiam o que aconteceria no evento...

Fonte: Salão do Carro
Categoria: Curiosidades
Publicado em: 19 May 2015 16:59:00

Nenhum comentário:

Postar um comentário