6 de abr de 2015

Mercedes-Benz GLE AMG promete escapar dos dinossauros

Mercedes-Benz GLE AMG promete escapar dos dinossauros



Encaixar automóveis nos filmes é uma forma de merchandising das antigas. A Mercedes-Benz, contudo, estabeleceu um marco em 1997, quando decidiu inserir o ML no filme O Mundo Perdido, continuação de Jurassic Park. Era uma ação de peso que combinava com o blockbuster, que sucedia o então filme mais assistido da história. Curiosamente, no segundo livro do escritor Michael Crichton, um Ford Explorer elétrico é o carro dos mocinhos, enquanto os vilões se locomovem em um Jeep Wrangler bem modificado, justamente os dois modelos que estrelaram o filme original de 1993. Para isso, valeu tudo, até inserir conceitos do ML que seria lançado apenas após o filme. Era um carro de peso, o primeiro Mercedes-Benz produzido na fábrica do Alabama. Pois bem, agora a bola da vez é o filme Jurassic World - O mundo dos dinossauros, uma continuação que promete fazer melhor figura do que as anteriores. Para aproveitar a superprodução, a Mercedes encaixou o GLE no roteiro. É a versão coupé de quatro portas do SUV ML de nova geração, com imagem esculpida de olho no esquisito BMW X6.

Como foi com seu antepassado, o modelo parece bem diferente do carro de produção. Há armas, vidros reforçados por grades e para-choques com quebra-matos. Mais adequado talvez ao mundo daquela série de zumbis, The Walking Dead. Curiosamente, trata-se de uma versão AMG equipada com o já conhecido motor 3.0 V6 turbo de 367 cv. Aí não tem nem para Tiranossauro nem Velociraptor.      

Fonte: R7
Publicado em: 2015-01-28T12:16:00-02:00

Nenhum comentário:

Postar um comentário