2 de abr de 2015

Brabus dá um trato na Classe C Estate

Brabus dá um trato na Classe C Estate

A Brabus já é considerada uma das mais renomadas preparadoras do mercado atual, com trabalhos importantes, especialmente com modelos da Mercedes-Benz, que receberam tratamento para ficarem com visual ainda mais esportivo. Ela, então, resolveu deixar a perua Classe C Estate, que já era considerada um modelo extremamente elegante e moderno, ainda mais esportivo, ficando com visual mais agressivo e ainda mais potente.

Base



Para tomar como base para criar esta versão mais esportiva, a Brabus usou a linha do pacote AMG Line, que originalmente já indicava uma versão mais esportiva e mais potente. O resultado ficou ainda mais interessante, já que recebeu o logotipo da preparadora para identificar o modelo, além da chegada do defletor dianteiro, do difusor de ar traseiro, do escapamento com 4 saídas, que sempre denota uma maior esportividade, além das rodas de 20 polegadas. Com isto, a Classe C Estate acabou ficando ainda mais atraente completamente diferente da versão original, como normalmente ficam os modelos que são feitos pela Brabus. Internamente, também houve mudanças, com a chegada dos pedais esportivos e do revestimento que mistura couro e camurça sintética, que dá um aspecto diferenciado do que é visto na versão convencional da perua da Mercedes.

Motorização



Mas o que realmente interessa às pessoas quando o assunto é um modelo feito pela preparadora Brabus é o desempenho deste modelo, que neste caso, tem a ver com as alterações feitas nos diferentes motores apresentados pela linha original. A Brabus fez uso de uma preparação eletrônica, que acabou gerando uma maior potência e também um torque maior, resultando em desempenho muito mais significativo, deixando a Classe C Estate muito mais “nervosa”. Segundo informações divulgadas pela própria preparadora, a melhora ficou da seguinte forma em cada uma das versões: o C180 ganhou 21 cavalos de potência, o C200 ganhou 41 cavalos, o C250 ganhou 34 cavalos, o C220 Bluetec ganhou 35 cavalos ao passo que o C250 Bluetec a diesel ganhou 31 cavalos de potência. Todas as versões receberam um adicional de 5 kgfm de torque, dando ainda mais desempenho, e fazendo com que todos apresentem mais velocidade, maior potência e muito mais agilidade nas respostas. Ainda não foram divulgados os preços destas versões mais “apimentadas” feitas pela preparadora, mas tudo indica que elas deverão custar um pouco mais do que as versões convencionais, como normalmente ocorre com este tipo de situação.
A Brabus resolveu deixar a perua Classe C Estate, que já era considerada um modelo extremamente elegante e moderno, ainda mais esportivo!

Fonte: Salão do Carro
Categoria: Prévias
Publicado em: 01 Apr 2015 18:28:00

Nenhum comentário:

Postar um comentário