14 de jan de 2016

Chrysler mostra nova minivan Pacífica

Chrysler mostra nova minivan Pacífica

A Chrysler apresentou, nesta semana, a sucessora da Town e Country – versão histórica e que introduziu o conceito de minivan na América do Norte -, durante o Salão de Detroit. Trata-se da minivan Pacifica. O modelo virá com algumas características bastante interessantes como a motorização híbrida, além de peculiaridades em sua plataforma. Com inspiração nas linhas sedãs do médio Chrysler 200, de acordo com a fabricante, a intenção é que a minivan Pacifica venha para concorrer com automóveis como o Honda Odyssey, Kia Carnival e Toyota Sienna. Nesse texto, enumeramos algumas características a respeito desse carro que poderão ser vistas com bons olhos pelos consumidores.  

O que a Chrysler preparou para a sua minivan?



1# - Plataforma

De acordo com a fabricante, a plataforma terá evoluções interessantes em relação à base anterior. O peso do veículo foi reduzido em 135 quilos, chegando a 1.964 kg. A montadora investiu em aprimoramentos na dinâmica do carro e, também na questão acústica, foi trabalhado para aperfeiçoar o isolamento dos sons. Não ficou muito detalhado, ainda, a respeito das dimensões do carro, mas já se sabe que o automóvel será ligeiramente mais curto que a Town e Country. Em compensação, a versão atual será mais larga e alta do que a sua antecessora.

2# - Motor

Quanto ao motor, a opção mais clássica terá o 3.6 V6 Pentastar de 291 cv e com torque de 36,2 kgfm. O câmbio será automático e com nove marchas, passando toda a potência desse veículo para suas rodas dianteiras.

Na versão híbrida, a potência é reduzida para 251 cv. Haverá o mesmo motor a combustão, ligado a um bloco elétrico. Em relação ao consumo de combustível, ainda não há informações.

3# - Chegada ao país

Para você que se interessou, terá que esperar mais um pouco. Isso porque a previsão de chegada da versão convencional desse veículo em solo brasileiro é apenas no segundo semestre de 2017. Ainda não se sabe quanto esse automóvel custará aqui no Brasil, mas vale ressaltar que, quem tiver interesse na versão hibrida, poderá se beneficiar de impostos menores na importação, para conseguir preços mais baixos. De todo modo, quem quiser dar uma conferida no modelo poderá fazer isso, ainda neste ano, no Salão do Automóvel, em São Paulo, no mês de novembro. E então? O que achou? Vai dar trabalho para a concorrência? Então o jeito é esperar por mais novidades.
De acordo com a fabricante, a intenção é que a minivan Pacifica venha para concorrer com automóveis como o Honda Odyssey, Kia Carnival e Toyota Sienna

Fonte: Salão do Carro
Categoria: Prévias
Publicado em: 13 Jan 2016 17:28:00

Nenhum comentário:

Postar um comentário